Descontente.. Carente..


Ultimamente ando meio descontente
Um pouco deprimida, carente...
Apenas desejando um abraço acolhedor,
Palavras amigas...

Eu tremo só de pensar que não há ninguém para me amar...
Me agarro a tudo que tenho, com força e determinação,
Sussurrando eu digo.. (não quero perder mais nada),
Rezando para dormir e esquecer da dor..

Um coração inocente, mas bem indecente como o meu,
Que muito já sofreu, será que novamente consegue amar?
Acho que não, simplesmente levo a vida de um jeito diferente,
Passando longe das mentiras e belos sorrisos...

É parece que ando meio descontente...
Desiludida, magoada, ferida...
Sorte que a sociedade vive de aparências,
E eu continuo sorrindo, mas embaixo da maquiagem há um rosto marcado pela tristeza.

Shiii... é segredo mas me agarro ao que tenho
Com medo que se acabe e eu fique sozinha...
Ando um pouco deprimida com isso..
Carente ao ponto de chorrar lendo livros...

Me agarro a tudo que tenho.. tenho pouco...
Tão pouco que dói, o vazio me destrói,
Mas continuo sorrindo... Como se nada tivesse acontecido!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe um comentário aqui!
Comentário sujeito a moderação.

Era uma vez, uma menina... © Copyright 2011 - 2016. - Versão 9. Little nymph. Ilustração Martina Naldi. - Original de Muryel de Oliveira. Tecnologia do Blogger.