O dia da Zica!


Sabe aquele dia que tu resolve sair da rotina e não ir a aula só para dormir umas duas horinhas a mais? Daí tu acorda bem, feliz até, porque vai no cinema com aquela pessoa especial, só que algo estranho no ar te diz para não sair de casa, maaas tu não ouve.

O computador estraga, o filme que tu estava louca para assitir saiu de cartaz no dia anterior. Depois tu pega a bolsa mais bonita e coloca o dinheiro e suas coisa nela, mas esquece de pegar o boleto daquela conta importante para pagar, ok, até aí da para resolver.

Então, olhando no aplicativo do cartão de crédito que você divide com a sua mãe acaba levando aquele maldito choque: se você usar ele, sua mãe não compra comida até o dia do pagamento do salário.

Acabou o cinema, acabou a diversão, acabou tudo. Volte para sua casa, fique na sua insignificãncia, de abrigo e pantufas e não saia de lá até criar mofo na sua bunda!

Essa é o triste relato pessoal da universitária que aqui vos fala que raramente sai, mas quando pretende sair tudo dá errado!

3 comentários:

  1. Então, porque quando não é pra sair tudo conspira a favor,temos que ouvir a consciência ela sabe,a voz interior.

    ResponderExcluir
  2. Nossa!!! As vezes é mlhor ficar em casa vendo um Netflix né? te entendo!!!

    ResponderExcluir

Deixe um comentário aqui!
Comentário sujeito a moderação.

Era uma vez, uma menina... © Copyright 2011 - 2016. - Versão 9. Little nymph. Ilustração Martina Naldi. - Original de Muryel de Oliveira. Tecnologia do Blogger.